Exposição fotográfica em Londrina mostra casos de superação de mulheres

“Mulheres Vitoriosas” tem o objetivo de conscientizar pessoas acerca de temas como o câncer de mama, a doação de órgãos e a violência contra mulheres

Foto: Divulgação

A Secretaria Municipal de Políticas para Mulheres (SMPM), por meio da Casa da Mulher, iniciou, nesta segunda-feira (2), a apresentação fotográfica da 8º edição do projeto “Mulheres Vitoriosas”. O evento retrata a trajetória de 20 mulheres londrinenses que superaram casos de câncer de mama, de doação de órgãos (recepção ou concessão), e de violência doméstica. Contendo, aproximadamente, 25 fotos, o trabalho ficará exposto até o dia 20 de dezembro, na sede da Casa da Mulher, localizada na Rua Valparaíso, 189, esquina com a Avenida Higienópolis, no Parque Guanabara.

A ação é realizada há 10 anos pela empreendedora, Adriana Pontin, com o objetivo de conscientizar pessoas sobre causas que envolvam o público feminino. Nesta edição foram escolhidas três cores predominantes para representar as temáticas estabelecidas: o verde, em alusão ao setembro verde, que simboliza a doação de órgãos; o rosa, referente ao outubro rosa, na luta contra o câncer de mama; e o laranja, que retrata mulheres que sofreram violência. As imagens foram produzidas pela fotógrafa, Polyanna Araujo.

Um dos casos de sucesso mais frequente, exposto pelo projeto, é o de Andreia Farias, a única doadora viva de Londrina. “Andreia é doadora de medula óssea. Utilizamos seu case desde a primeira edição do ‘Mulheres Vitoriosas’, pois é difícil existirem pessoas compatíveis para receberem órgãos”, contou Pontin. Segundo a organizadora do projeto, o intuito é que outras mulheres possam observar estes eventos de superação e perceberem que não estão sozinhas. “Que elas possam encontrar apoio para sair de uma situação de violência ou de um tratamento de câncer, bem como conseguir enxergar a importância de salvar outras vidas com a doação de órgãos”, finalizou.

“Mulheres Vitoriosas” ainda integra o projeto “Mulheraço”, também realizado por Pontin, com intuito de ajudar o público feminino, através de capacitações e encontros mensais, a empreender e gerar conhecimento.  Interessados em contemplar a exposição podem se deslocar até a sede da Casa da Mulher, que fica aberta de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h. O evento é gratuito.

Redação Tem com N.com


Você tem que estar por dentro!
Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades no seu e-mail