Relembre 10 paranaenses que brilham e brilharam no mundo dos esportes

O Paraná sempre foi um celeiro de bons atletas para o Brasil. Do futebol às lutas, o estado já revelou grandes craques que colecionam conquistas individuais e coletivas e ficaram marcados pra sempre na história do esporte brasileiro.

Abaixo, listamos dez atletas paranaenses que merecem ser lembrados para sempre por seus feitos e conquistas no esporte. Confira:

Rogério Ceni

Foto: Reprodução

Natural de Pato Branco, é considerado um dos maiores goleiros da história do futebol brasileiro, tendo sido campeão da Libertadores, do Mundial e do Brasileirão com o São Paulo, clube do qual é o principal ídolo, além de ser um dos 23 jogadores da conquista do pentacampeonato mundial da seleção brasileira. Ceni também ostenta o feito de ser o maior goleiro artilheiro da história do futebol, com 132 gols em cobranças de falta ou de pênalti.

Alex

Foto: Wikimedia

Outro grande nome do futebol brasileiro nascido no Paraná. Natural de Curitiba, Alex começou e encerrou sua carreira no Coxa, mas se destacou mesmo com as camisas de Cruzeiro, onde foi campeão do Brasileiro e da Copa do Brasil em 2003, e Palmeiras, clube pelo qual conquistou a Libertadores em 1999. Também brilhou no futebol europeu com a camisa do Fenerbahce, da Turquia, além de ter conquistado a Copa América de 1999 e 2004 com a seleção brasileira.

Fernandinho

Foto: Divulgação/CBF

Um dos bons nomes do futebol paranaense que ainda está em atividade, o volante de Londrina foi revelado pelo Athletico e esteve na campanha do título brasileiro de 2001, o maior da história do clube. Na Europa, passou pelo Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, antes de chegar ao poderoso Manchester City, clube do qual é titular. Pela seleção brasileira, disputou as Copas do Mundo de 2014, no Brasil, e 2018, na Rússia.

Giba

Foto: Divulgação/FIBV

Considerado um dos maiores jogadores de voleibol não apenas do Brasil, mas de todo o mundo, Giba também nasceu em Londrina. O atacante coleciona medalhas com a seleção brasileira, incluindo o ouro olímpico nos Jogos de Atenas, em 2004, e o Pan de 2007, no Rio, além de três títulos da Copa do Mundo e oito conquistas da Liga Mundial. Em 2018, entrou para o Hall da Fama do vôlei.

Emanuel Rego

Foto: Divulgação/EBC

Das quadras para a areia, o vôlei de praia brasileiro tem em Emanuel Rego um de seus principais expoentes. Ele defendeu o país em cinco olimpíadas, conquistando uma medalha de ouro em Atenas, em 2004, ao lado de Ricardo. Também ficou com a prata em 2012, em Londres, e bronze em Pequim, em 2008. Natural de Curitiba, Emanuel coleciona diversos prêmios individuais, sendo considerado o Atleta da Última Década do Século pela Federação Internacional de Voleibol (FIVB)

Alexandre Gomes

Foto: Wikimedia

Se o poker, modalidade mais popular do esporte da mente, é bastante difundido no Brasil nos dias de hoje, muito se deve a um paranaense. Trata-se do curitibano Alexandre Gomes, considerado um dos maiores da história do poker brasileiro. Ele foi o primeiro a ganhar um bracelete do World Series of Poker, principal torneio do mundo, além de conquistar um título da World Poker Tour.

Dayane Kotoviezy

Foto: Divulgação

A curitibana Day Kotoviezy é a prova de que poker também é esporte de mulher. Ela é uma das principais jogadoras da atualidade e está no top 20 do Brasil, à frente de muitos outros nomes de destaque no poker masculino. Além de ser destaque em campeonatos ao vivo, como o BSOP e o partypoker MILLIONS, a jogadora também brilha em disputas online como a Powerfest, um dos principais torneios do mundo digital.

Mauricio “Shogun” Rua

Foto: Divulgação/UFC

Paranaense de Curitiba, Mauricio Shogun é um dos maiores nomes da história do MMA brasileiro. Com um cartel de 26 vitórias em 38 lutas profissionais, integra o quadro de lutadores do UFC, organização da qual já foi campeão mundial em 2010. Em 2005, também venceu o GP do Pride, principal evento de vale tudo dos anos 90 e 2000, superando alguns dos principais nomes do esporte

Cristiane “Cyborg” Justino

Foto: Divulgação/UFC

Outra expoente de peso do mundo das lutas, Cris Cyborg é apontada como uma das maiores lutadoras da história do MMA feminino, com 22 vitórias em 25 lutas. Ex-campeã do Invicta, Strikeforce e do UFC, a curitibana ficou invicta por 13 anos, até perder para a compatriota Amanda Nunes, em dezembro de 2018. Atualmente, é campeã peso-pena do Bellator, título que conquistou em janeiro deste ano.

Natália Falavigna

Foto: Divulgação

Nascida na cidade de Maringá, Natália é uma das maiores lutadoras de Tae-Kwon-Do que o Brasil já teve. Ela disputou as Olimpíadas de Atenas, em 2004, e Pequim, em 2008, quando ficou com a medalha de bronze na categoria acima de 67kg. O maior feito da carreira foi o título mundial conquistado em Madri, na Espanha, em 2005. Também foi medalhista de prata nos Jogos Panamericanos do Rio, em 2007.


Você tem que estar por dentro!
Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades no seu e-mail