Acusado de provocar acidente com 5 mortes na PR-445 pode ir à júri popular

Causador do acidente estava embriagado – Foto: Reprodução

O Ministério Público (MP) de Cambé, quer que o motorista Ricardo Martins de Moraes, de 40 anos, acusado de provocar um acidente que causou cinco vítimas fatais, em setembro do ano passado, vá à júri popular. Na época, o caso chocou a região por conta da morte de quatro pessoas de uma mesma família, incluindo os pais e as duas filhas pequenas.

De acordo com o assistente de acusação do MP, o homem assumiu o risco de matar, ao dirigir depois de ter ingerido bebida alcoólica. Ele está sendo processado por cinco homicídios, pois além da família, o condutor de um caminhão envolvido no acidente também faleceu dias depois no hospital.

Ricardo havia sido preso em flagrante e se recusou a fazer o teste do bafômetro. Em sua versão, contou que teria bebido apenas uma cerveja antes do almoço, o que foi contrariado após os laudos da perícia.

Acidente

Acidente ceifou a vida de cinco pessoas – Foto: Reprodução

O acidente aconteceu em 30 de setembro de 2018, na PR-445 próximo ao Distrito da Warta. Testemunhas afirmam que o motorista do veículo causador do acidente, fazia ‘zig-zag’ na pista em alta velocidade.

Ao tentar realizar uma ultrapassagem, o veículo de Ricardo teria atingido a roda de um caminhão. Com o choque, o condutor perdeu o controle da carreta e atingiu um outro veículo, onde estava a família com quatro pessoas.

Redação Tem


Você tem que estar por dentro!
Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades no seu e-mail