Ministério Público vai investigar situação na Santa Casa de Londrina

Foto: Reprodução

O Ministério Público do Trabalho (MPT) em parceria com o Ministério Público do Paraná (MP-PR), vai abrir uma investigação que deve avaliar as condições de trabalho da Santa Casa de Londrina. O hospital causou preocupação da comunidade local após confirmar o surto de coronavírus que terminou com o afastamento de 95 funcionários, sendo que 15 deles já testaram positivo para a doença.

Para o procurador do Trabalho Heiler Ivens de Souza Natali, as graves denúncias e relatos da situação de como estariam atuando os funcionários da instituição, além dos problemas recentes, ascenderam o alerta e incentivaram a abertura da investigação.

Ontem, a reportagem do TEM divulgou relatos de profissionais da saúde que disseram estarem trabalhando sob pressão e medo por não contarem com os equipamentos de proteção ao coronavírus.

Leia também:

Redação Tem


Você tem que estar por dentro!
Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades no seu e-mail