HU de Londrina comemora 50 anos de existência neste domingo

Foto: Reprodução/Agência UEL

Referência nacional no atendimento a pacientes com covid-19, o Hospital Universitário (HU) da Universidade Estadual de Londrina (UEL) completa, neste domingo, 01 de agosto, 50 anos de atividades, prestando serviços no atendimento aos pacientes de Londrina e região e até outros estados. As atividades do hospital começaram em 1971 em imóvel cedido pela Sociedade Evangélica de Londrina, localizado na esquina das ruas Pernambuco e Alagoas.

Sem dúvida, em função dos serviços prestados, projetos e pesquisas desenvolvidas, o HU sempre manteve a concepção em saúde pública e, por isso se destacou pelo vanguardismo e ineditismo em vários setores da saúde. Um exemplo foi a realização do primeiro transplante de rim do Paraná, em 1973, somadas a outras cirurgias pioneiras.

É referência para o Sistema Único de Saúde (SUS) no atendimento a pacientes de cerca de 250 municípios do Paraná e de mais de 100 cidades de outros estados, de várias regiões do país, principalmente São Paulo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Rondônia.

Recentemente, o HU foi o único hospital público paranaense a obter a certificação de 100% de conformidade em relação aos indicadores de estrutura, processo e gestão de riscos no ambiente hospitalar, concedido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). Foi o único hospital público paranaense a obter a classificação máxima da Avaliação Nacional das Práticas de Segurança do Paciente.

Na ocasião, a diretora superintendente do HU, Vivian Feijó, comemorou a conquista da certificação emitida pelo órgão federal. “Representa todo o trabalho para oferta de um serviço de excelência, que há anos é prestado pelo Hospital Universitário”.

Referência nacional

Ao completar 50 anos em atividade, o HU é referência estadual em atendimentos de maior gravidade e de alta complexidade, com mais de 30 habilitações de alta complexidade certificados pelo Ministério da Saúde.

Enquanto hospital-escola, cujo foco reside na prática do ensino, pesquisa e extensão, integrado ao SUS, o HU tem como parceiros professores e estudantes e residentes dos cursos do Centro de Ciências da Saúde (CCS), ou seja, Medicina, Enfermagem, Farmácia, Odontologia e Fisioterapia. Assim, posiciona-se com destaque nacional na capacitação profissional em todas as áreas, pois, entre outros ações, oferta anualmente vagas em consolidados programas de residência — Residência Médica, Residência em Enfermagem, Residência em Fisioterapia, Residência Multiprofissional.

Hospital-escola atende à população

Além de toda a qualificação técnica e de infraestrutura, o HU mantém serviços de referência no atendimento à população. Entre eles o Ambulatório de Especialidades (AEHU), o Centro de Tratamento de Queimados (CTQ), o Hemocentro Regional de Londrina, que atende hospitais da 17ª Regional de Saúde, Telemedicina e Telesaúde, o Centro de Assistência Toxicológica – presta assessoria e orientação em casos de intoxicação ou exposição a agentes tóxicos. E mais, entre outros serviços. figuram o Banco de Leite Humano e a Unidade Neonatal, com destaque para o Método Canguru.

Programação 50 anos

A comemoração oficial do Jubileu de Ouro foi iniciada nesta sexta-feira (30) e prossegue nos meses seguintes, durante o ano jubilar. Estão previstas, entre outras ações, o lançamento do novo logotipo do HU e do Selo HU 50 Anos, apresentação da série de vídeos Memória Viva do HU-UEL, culto ecumênico, veiculação de outdoors, inauguração do Memorial de Fotos Históricas, publicação de foto-livro Jubileu de Ouro, homenagens aos ex-superintendentes e o Evento Magno.

Redação Tem com Assessoria



Você tem que estar por dentro!
Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades no seu e-mail