Alunos de Londrina recebem premiação por classificação em concurso cultural de redação

Parceria entre CMTU e Secretaria de Educação selecionou e vai premiar 10 redações de estudantes do Fundamental I sobre o uso da faixa de pedestres

Foto: Reprodução

O Município, em uma ação integrada entre a Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU) e a Secretaria Municipal de Educação, realiza na segunda-feira (2), às 9h, no gabinete do prefeito, a cerimônia de premiação dos dez estudantes finalistas do concurso cultural “A faixa é para todos. Olhe e Sinalize”. Na oportunidade, serão entregues uma bicicleta e um kit ciclista para os três primeiros colocados e seus respectivos professores responsáveis. Serão contemplados também os alunos classificados entre a quarta e a décima posição.

Lançado em agosto, durante o evento educacional Londrina Mais, o concurso de redações contou com a participação de 41 escolas da rede municipal de ensino, além de uma adesão entre as instituições particulares. No total, 72 textos produzidos por estudantes do 4º e 5º ano do Fundamental I foram entregues à Secretaria de Educação.

Destes, 10 foram encaminhados pela pasta à CMTU, sendo cinco de cada ano. Já na companhia, a escolha dos vencedores se deu numa comissão formada pela equipe de Educação no Trânsito, que elencou as três melhores composições.

Dentre os critérios para a seleção das redações vitoriosas, foco na temática proposta, coerência e coesão das ideias apresentadas, respeito ao limite de linhas e à tipologia textual e, ainda, atendimento à norma padrão da língua portuguesa foram os que mais pesaram.

Entre as crianças selecionadas, oito são meninas e duas são meninos. Juntas, elas representam 10 escolas de diversos bairros e regiões de Londrina, incluindo a zona rural. Para elaborar as produções, elas tiveram como subsídio – trabalhado em sala de aula – conteúdos online disponibilizados no site da CMTU.

Outra fonte de informação foram os materiais e ensinamentos dos programas “Agente de Trânsito Mirim” e “Sinalizar para Educar”. As iniciativas, lançadas no ano passado em parceria com a Secretaria Municipal de Educação, visam levar sinalização viária ao entorno das escolas e assuntos de trânsito para o interior das instituições de ensino.

Redação Tem com N.com


Você tem que estar por dentro!
Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades no seu e-mail