Homem atropelado por ex-cunhado, morre no hospital em Londrina

Foto: Ilustrativa

Um homem que foi atropelado pelo próprio ex-cunhado morreu no hospital em Londrina, após ficar 10 dias internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Evangélico. Mauristanes Santos da Silva, de 48 anos, estava em estado grave e faleceu na tarde desta quarta-feira (22).

Ele havia sido vítima de um atropelamento na Rua André Emilio Guergoleto, localizada no jardim Ouro Verde, região norte da cidade. O motorista é seu ex-cunhado, que estava embriagado no momento da colisão. Segundo a polícia, o crime teria motivações passionais.

Mauristanes teve politraumatismo, com afundamento de crânio e permanecia internado desde o dia 11 de janeiro.

A família da vítima autorizou o hospital a realizar a doação de órgãos.

Redação Tem


Você tem que estar por dentro!
Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades no seu e-mail