Jô Soares fez apelo ao Brasil na última vez que apareceu na TV

Imagem: Reprodução/Globo

Jô Soares fez um importante apelo ao Brasil em sua última aparição pública, quando o apresentador deu uma entrevista ao Jornal Nacional, da TV Globo. Ele faleceu na madrugada desta sexta-feira (5) aos 84 anos. Jô estava afastado da televisão desde 2016.

O apresentador deu a entrevista ao Jornal Nacional quando foi se vacinar contra a covid-19. Ele estava indo tomar a segunda dose do imunizante.

Jô Soares fez um importante apelo aos brasileiros na época. “Eu sei que tem gente que toma a primeira dose e não toma a segunda, eu não entendo, e tem gente que não toma a vacina. Isso é realmente uma coisa medieval. Mais vacinas para todos e valorização da ciência e dos cientistas. Eu realmente só não fico desesperado porque eu acredito muito, muito no Brasil, mas é fogo porque de vez em quando vem um balde de água, e você vê que falta muito”, disse ele, de dentro de seu carro.

Por fim, Jô demonstrou esperança no país. “Não podemos entrar em desespero, nós temos que batalhar para que todo mundo tenha a vacina, que o governo compre as vacinas, porque é a única arma que existe contra esse vírus. […] Beijo do gordo, de máscara”, completou ele, com o bom humor do qual era famoso.

Jô Soares estava internado no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, desde o dia 28 de julho. A causa da morte ainda não foi revelada.

Redação Tem Londrina



Você tem que estar por dentro!
Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades no seu e-mail