Sesc Cadeião exibe três curtas londrinenses nesta quarta; entrada é gratuita

Imagem: Divulgação

A 53ª edição do cineclube Sessão Kinopus exibe nesta quarta-feira (31), três curtas londrinenses na Sala de Espetáculos do Sesc Cadeião, a partir das 19h, com entrada franca. A programação inclui os curtas-metragens “Sylvia” (2013, 17 min, fic), de Artur Ianckievicz, “Salina” (2020, 16 min, fic), de Gustavo Minho Nakao, e “Entre Espaços” (2023, 16 min, fic). Após a sessão, haverá um bate-papo informal com a presença dos realizadores dos três curtas com mediação do cineasta Rodrigo Grota. A classificação indicativa para a sessão é para o público acima de 12 anos.

Sylvia

Com Juliana do Espirito Santo, Daniele Dias e Karen Debértolis, o curta Sylvia traz a personagem título como uma jovem negra que trabalha como camelô e passa a maior parte de seu tempo livre em uma academia de boxe. Lá, conhece Nathalia, que se torna sua amiga. A relação das duas sofre um abalo quando elas se veem de lados opostos da lei.

De Artur Ianckievicz, o filme foi produzido com patrocínio da Prefeitura de Londrina, por meio do Programa Municipal de Incentivo à Cultura (Promic), em edital de 2013 da Secretaria Municipal de Cultura. No 46° Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, recebeu o Troféu Candango de Melhor Som.

Salina

No elenco, o curta apresenta Linaê Mello Alencar, Ciça Guirado, Bruno Garcia, José Maschio e Claudio Müller. Foi realizado pelos alunos do curso de pós-graduação em Cinema da Faculdade Pitágoras, em Londrina, em 2019, com a supervisão dos professores Rodrigo Grota (Direção, Roteiro & Montagem), Roberta Takamatsu (Direção de Produção), Guilherme Peraro (Produção Executiva), Anderson Craveiro (Direção de Fotografia & Pós-Produção de Imagem), Bruno Bergamo (Som Direto) e Otávio Santos (Pós-Produção de Som).

Premiado no Festival Kinoarte de 2020 nas categorias de Melhor Filme Londrinense pela escolha do Júri Oficial e, também, pela escolha do Júri Popular.

Entre Espaços

Em “Entre Espaços” acompanhamos a emocionante jornada de Joana, uma imaginativa garota de nove anos que está construindo um foguete no seu quarto. Entretanto, enquanto Joana imagina as maravilhas do universo e sonha em explorar o desconhecido, ela é confrontada por um conflito entre seus pais e pelas ruínas de um casamento desgastado. É um filme sobre uma garota curiosa e inteligente, relações familiares, infância e imaginação.

Produzido por 30 alunos do Curso de Cinema da Escola Primeiro Encontro em parceria com a produtora Kinopus. Rodado nos dias 14, 15 e 16 de dezembro de 2022, o curta foi escrito pelos próprios alunos e em sua finalização contou com música original de Otávio Santos e montagem de João Vítor Moreno.

Redação Tem Londrina com Assessoria



Você tem que estar por dentro!
Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades no seu e-mail