Grávida com suspeita de covid-19 fica sem isolamento e faz desabafo

Mulher faz desabafo: “Fiquem em casa” – Foto: Reprodução

Uma gestante publicou nas redes sociais um desabafo nesta quarta-feira (25) explicando sobre o atendimento realizado em um hospital de Londrina. A mulher está com suspeita de coronavírus e procurou auxílio médico, ela ainda conta que não recebeu o isolamento necessário por cerca de nove horas e ficou em meio a outros pacientes também suspeitos de terem o vírus, mesmo tendo plano de saúde.

A mulher também contou um pouco sobre o que sente e como está sendo seu tratamento. Ela ainda faz um alerta para que as pessoas fiquem em casa. (Veja no vídeo abaixo).

A gestante fez um apelo para que as pessoas não descumpram o isolamento social:

“Sem politicagem mas FIQUEM EM CASA!! Eu estava em isolamento a 8 dias, e mesmo assim estou aqui no hospital com suspeita de Covid-19… E SIM, prefiro passar todas as dificuldades financeiras que nossa economia possa causar, do que ver meus filhos, meu marido, e todos aqueles que eu amo, com sintomas parecidos com esse que estou sentindo!!! Por favor gente, se cuidem!!! Se isolem!!! O financeiro a gente recupera depois!!!”, escreveu.

Por favor gente, se cuidem!!! Se isolem!!! O financeiro a gente recupera depois!!!”

Em nota o Hospital Evangélico disse que tomado todas as medidas para o enfrentamento da pandemia e ressalta ter um comitê de crise vinculado ao Ministério de Saúde.

Confira a nota do hospital:

O Hospital Evangélico de Londrina comunica que tem tomado todas as medidas para o enfrentamento da pandemia de COVID-19. Uma junta de especialistas faz parte de um comitê interno de crise que estabelece as diretrizes direcionados pelo Ministério da Saúde. Dentre elas, um fluxo específico para os casos suspeitos de COVID-19, em que todos os pacientes com síndromes respiratórias aguardam com máscara o atendimento em uma sala específica e isolada das demais. Com isto, casos que não sejam síndromes respiratórias não tem contato com outros pacientes.

A paciente Manuela C. Volpini deu entrada às 18:18 quando retirou a sua senha, foi avaliada e internada em nossa Unidade de Terapia Intensiva que neste momento está capacitada ao atendimento para observação. A mesma se encontra consciente, orientada, respirando espontaneamente com leve desconforto e com quadro estável.

Redação Tem


Você tem que estar por dentro!
Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades no seu e-mail