VÍDEO: ‘grande maioria nas UTIs é de não vacinados’, diz Queiroga

Imagem: Reprodução/Ministério da Saúde

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, finalmente teve que admitir que o negacionismo antivacina causa problemas na pandemia. Nesta quinta-feira (13), ao receber em São Paulo o primeiro lote de imunizantes infantis da Pfizer, ele afirmou que “a variante ômicron do coronavirus causa formas menos impactantes de covid, sobretudo naqueles que estão vacinados”.

Mesmo assim, o ministro disse que isto ocorre, “apesar da ciência não ter nos dado ainda todas as respostas acerca da eficácia das vacinas em relação a variante ômicron”.

Queiroga afirmou ainda que “aqueles que se internam nos hospitais, nas unidades de terapia intensiva, a grande maioria são de indivíduos não vacinados”. De acordo com o ministro, “estamos aqui falando sobre vacinas infantis, mas é necessário reafirmar a orientação para que aqueles que não tomaram a segunda dose, que há muitos no Brasil, muito menos do que em outros países, e aqueles que ainda não tomaram a dose de reforço, que procurem a sala de vacinação para completar seu esquema vacinal”.

Assista ao vídeo:

Redação Tem



Você tem que estar por dentro!
Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades no seu e-mail