Professores aprovam greve com indicativo para 1º de março no Paraná

Foto: Reprodução/AEN

A assembleia geral da Associação dos Professores do Paraná (APP Sindicato) aprovou na noite desta quarta-feira (17) uma greve da categoria a partir do dia 01 de março ou quando o governo estadual estabelecer o retorno das aulas presenciais. Atualmente, as aulas foram adiadas para o primeiro dia de março, mas existe a expectativa que aconteça um novo adiamento devido ao avanço do coronavírus no estado.

Os educadores decidiram que não irão recusar atender os estudantes de forma remota e não presencial. Entretanto, segundo a entidade, as escolas públicas do Paraná não reúnem as condições necessárias para atender com segurança os alunos e os profissionais.

Em nota, a direção da entidade afirma que as escolas não possuem condições de seguras para “nossas vidas [dos professores] e a vida de nossos estudantes”. E afirma que os espaços não atendem as medidas de proteção ao coronavírus.

“Estaremos em greve pelo não retorno presencial em nome da vida”, completa a nota.

Denúncias

A associação também está abrindo um canal de denúncias para profissionais, alunos e comunidade escolar denuncie casos de coronavírus que possam ocorrer nas escolas.

O e-mail para as denúncias é o [email protected]

Redação Tem



Você tem que estar por dentro!
Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades no seu e-mail