Mamãe Falei desiste de concorrer ao governo de SP após áudios sexistas

Imagem: Reprodução/Facebook

O deputado estadual paulista Arthur do Val (PODE), conhecido como Mamãe Falei, desistiu neste sábado (5) da pré-candidatura ao governo de São Paulo após a divulgação de áudios em que afirma que mulheres ucranianas “são fáceis, porque são pobres”. Ele pediu desculpas por uma das declarações feitas por áudio enviado à um grupo amigos.

Ao desembarcar no Brasil neste sábado (5), o político disse em entrevista a vários jornalistas que a fala “foi um erro em um momento de empolgação”.

“Foi errado o que eu falei, não é isso o que eu penso. O que eu falei foi um erro, em um momento de empolgação”, disse o pré-candidato ao governo de São Paulo. “A impressão que está passando aqui é que eu cheguei lá [Europa] e tinha um monte de gente e eu falei: ‘quem quer vir aqui comigo que eu vou comprar alguma coisa’. Pelo amor de Deus, não é isso”, continuou.

De acordo com o político, ele estava na Europa para acompanhar a guerra com a Rússia. No entanto, na sexta-feira (4), vazou um áudio enviado por ele a um grupo de amigos em que fala sobre uma fila de refugiadas. Ele afirma nas gravações só ter “deusa” e disse que não “pegou ninguém” porque não tinha tempo.

“Eu fui para fazer uma coisa, mandei um áudio infeliz e a impressão que passou é que eu fui fazer outra coisa.”

O deputado afirmou que os áudios foram enviados para amigos em um grupo privado quando já tinha deixado a Ucrânia, ainda de acordo com Mamãe Falei as gravações não teriam nada haver com política, inclusive pediu a oportunidade de poder esclarecer tudo.

Leia a nota completa:

Redação Tem com iG Brasil



Você tem que estar por dentro!
Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades no seu e-mail