Bolsonaro se filia ao PL de Valdemar Costa Neto e retorna ao Centrão

Imagem: Reprodução

A filiação do presidente Jair Bolsonaro no Partido Liberal (PL), que ocorreu na manhã desta terça-feira (29), foi prestigiada por ao menos sete ministros do governo federal, membros do segundo escalão, parlamentares aliados e um governador. O partido é comandado por Valdemar Costa Neto.

Com as eleições de 2022 chegando, Bolsonaro mantinha conversas com dirigentes partidários em busca da melhor opção para abrigá-lo. Foram ao menos seis negociações: Republicanos, PMB, Patriota, PRTB, PTB e PP. Até que o martelo foi finalmente batido com o PL. A sigla é controlada há anos por Valdemar Costa Neto, ex-parlamentar condenado por corrupção no julgamento do escândalo do “mensalão”.

O acesso ao evento de hoje foi limitado a autoridades e presidentes estaduais do partido.

Assista ao evento:

Redação Tem



Você tem que estar por dentro!
Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades no seu e-mail