Câmara aprova projeto que torna Dia da Consciência Negra feriado nacional

No dia 20 de novembro.

Imagem: Agência Brasil

A Câmara dos Deputados aprovou, na noite desta quarta-feira (29), o projeto que torna feriado nacional o Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra, em 20 de novembro, e inclui a data no calendário escolar.

Foram 286 votos favoráveis e 121 contrários. O projeto é de autoria do senador Randolfe Rodrigues (sem partido-AP). A proposta já havia sido aprovado pelo Senado e agora segue para sanção presidencial.

A demanda é da bancada negra da Câmara. Atualmente, somente seis estados celebram o feriado: Alagoas, Amazonas, Amapá, Mato Grosso, Rio de Janeiro e São Paulo. No Distrito Federal, a data é ponto facultativo para algumas áreas do serviço público.

No parecer da relatora Reginete Bispo (PT-RS), o argumento para o projeto está baseado no Estatuto da Igualdade Racial, que prevê que “o poder público incentivará a celebração das personalidades e das datas comemorativas relacionadas à trajetória do samba e de outras manifestações culturais de matriz africana, bem como sua comemoração nas instituições de ensino públicas e privadas”. A relatora também escreve que o projeto se insere no “crescente compromisso internacional de combater as discriminações raciais no mundo” e que o Estado deve promover “maior conhecimento, reconhecimento e respeito pela cultura, história e patrimônio dos povos afrodescendentes”.

Redação Tem Londrina



Você tem que estar por dentro!
Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades no seu e-mail