Vereadores aprovam lei que ‘perdoa’ igrejas construídas irregularmente em Londrina

Projeto foi enviado pelo prefeito Marcelo Belinati (PP).

Vereadores aprovam documento em unanimidade – Foto: Torrecillas/Câmara

A Câmara de Vereadores de Londrina aprovou nesta quinta-feira (20) uma lei enviada pelo Executivo Municipal, que ‘perdoa’ as igrejas e templos religiosos que foram construídos desrespeitando a lei municipal de construções para este tipo de edifício. A lei atual exige a construção de estacionamento, além de instituir um recuo mínimo e uma área permeável, regras que foram anistiadas no novo texto aprovado pelos vereadores.

Segundo o projeto, mesmo os imóveis que não cumprem regras de zoneamento urbano, metragem mínima do lote, área destinada a estacionamento, área permeável e recuo mínimo, poderão receber Alvará de Localização e Funcionamento.

Com a nova lei, somente os imóveis construídos até a data de aprovação do projeto serão contemplados.

O projeto nº 140/2019 ainda passará por uma segunda votação na Casa, antes de seguir para sanção do prefeito.

Redação Tem


Você tem que estar por dentro!
Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades no seu e-mail