Semáforos da Av. Charles Lindemberg entram em funcionamento

Imagem: Rodolfo Gaion

A Prefeitura de Londrina ativou nesta quinta-feira (21), por meio da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU), os novos semáforos da Rua Charles Lindemberg, localizada no Jardim Califórnia, na região leste da cidade. O acionamento dos dispositivos estava programado para ocorrer entre segunda e terça-feira, mas o mau tempo impediu a execução dos trabalhos necessários ao início da operação.

Com a trégua das chuvas na manhã de hoje, equipes da CMTU foram ao local —- nas proximidades da ponte Amélio Vieceli —- para implantar a nova sinalização viária do trecho. A intervenção contou com a colocação de placas e tachões refletivos, a implantação de faixas de pedestre e a demarcação de setas de direcionamento, legendas de alerta, faixas de divisão de pista e marcas de canalização.

Antes disso, na semana passada, funcionários da Secretaria Municipal de Obras e Pavimentação (SMOP) atuaram na área com o conserto de calçadas e meios-fios, além da construção de rampas de acessibilidade e de uma ilha de trânsito destinada à ordenação dos fluxos. Outra iniciativa foi a execução de reparos em duas vielas situadas no entorno.

Com os novos semáforos em funcionamento, a expectativa da CMTU é melhorar o acesso à Dez de Dezembro por quem vem da Avenida das Américas, facilitando o escoamento do fluxo oriundo dos bairros Califórnia, Vale do Cambezinho, Vale Verde, Pequena Londres e Loris Sahyun, entre outros nas imediações.

Para chamar atenção dos condutores para a novidade e orientar sobre as novas condições da via, agentes da companhia estarão na região durante os próximos dias. A orientação aos motoristas é que reduzam a velocidade ao passar pelo trecho e obedeçam rigorosamente à sinalização.

Outro ponto que nas próximas semanas deve passar a contar com semáforos é o cruzamento entre as ruas Luís Lerco e Francisco Salton, no jardim Terra Bonita, na zona sul. Os equipamentos já foram instalados e, para entrarem em operação, aguardam ligação da energia elétrica por parte da Copel.

Redação Tem com Ncom



Você tem que estar por dentro!
Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades no seu e-mail